Em 2017, nascia a Trilha Empreendedora, o maior programa de voluntariado do setor de óleo e gás, com o apoio das empresas parceiras associadas ao Instituto de Petróleo e Gás – IBP,  da Secretaria de Estado de Educação – SEDUC e da Junior Achievement – JA

O projeto aplica, dentro do currículo do ensino médio de escolas públicas da rede estadual do Rio de Janeiro, uma sequência de programas estruturados em três vertentes: empreendedorismo, educação financeira e preparação para o mercado de trabalho.

Com um ciclo de três anos, a Trilha Empreendedora segue o aluno do primeiro ao terceiro ano do Ensino Médio. Os programas são aplicados pelos professores com o apoio de voluntários das empresas parceiras, como nós. A Wilson Sons firmou essa parceria por meio do IBP, do qual o programa é parceiro e somos associados. Uma experiência exitosa, que permitiu a sinergia entre os setores público, privado e terceiro setor. Além dos recursos financeiros, as empresas fomentam o voluntariado corporativo por meio do incentivo à participação dos colaboradores em sala de aula e nas próprias empresas.

Ao longo da trajetória do programa, práticas foram consolidadas e as bases das ações foram fortalecidas. Em 2019, tivemos o primeiro grupo de alunos, que passou por toda formação oferecida ao longo das três séries do ensino médio, uma importante contribuição para os estudantes, que poderão ingressar no mercado melhor preparados para enfrentar as adversidades.

Os voluntários do programa têm os mais diversos cargos e profissões no segmento de óleo e gás. Com isso, os alunos acabam se identificando com a trajetória de vida do profissional e se espelhando no sucesso alcançado por ele, o que serve como incentivo para seguir com os estudos até a conclusão do ensino médio.

Em 2021, os objetivos são: estender o programa para 80 escolas em 19 municípios, alcançar 11.000 alunos com a participação de 1200 voluntários, reduzir a evasão escolar, proporcionar por meio do voluntariado corporativo uma conexão com mercado, além de discutir temas relevantes para vida pessoal e profissional do aluno.

“Sabemos que a jornada requer muito esforço e que o caminho é a construção coletiva, com foco nas potencialidades de cada parceiro. Estamos convictos que transformaremos a vida de muitos alunos de escolas públicas do RJ de forma colaborativa e por meio do voluntariado corporativo”, destaca Aléa Fiszpan, diretora de desenvolvimento organizacional da Wilson Sons.