Entre 21 de 25 de maio, a Caravana do Nordeste contra o Trabalho Infantil passará por Alagoas e Sergipe. A iniciativa faz parte do projeto de fortalecimento dos Fóruns Estaduais das regiões Norte e Nordeste e das redes municipais de atenção à criança e ao adolescente das duas regiões, formulado pela Fundação Telefônica|Vivo em conjunto com o Instituto Nacional de Prevenção e Erradicação do Trabalho Infantil (Inpeti).

A Caravana já passou pelo Ceará, Maranhão, Piauí, Rio Grande do Norte e Paraíba. O objetivo é coordenar, juntamente com os fóruns estaduais, ações de mobilização, como campanhas, discussões pela Internet e realização de caravanas pelas cidades, visando à sensibilização da opinião pública.

Em Maceió, a Comissão Estadual de Erradicação e Prevenção do Trabalho Infantil programou para o dia 21, a partir das 15h, uma audiência com o presidente do Tribunal de Justiça do Estado, para pedir apoio à causa. No dia 25, às 9h, será realizada sessão pública especial na Assembleia Legislativa, que debaterá a realidade do trabalho infantil em Alagoas.

Já em Aracaju, as atividades acontecerão no dia 22, a partir da 8h30, quando a caravana fará um encontro, com a presença de crianças, adolescentes, órgãos e entidades do Fórum Estadual e do Fórum Nacional, na sede da Caixa de Assistência dos Advogados de Sergipe. Na sequência, participarão de uma audiência com o governador Marcelo Déda, para entrega do catavento (símbolo da caravana) e de carta compromisso para a elaboração de um plano estadual de prevenção e erradicação do trabalho infantil. À tarde, a partir das 14h30, será realizada audiência pública na Assembleia legislativa.

As ações promovidas pela Caravana do Nordeste contra o Trabalho Infantil podem ser acompanhadas pela Internet por meio da Rede Pró-Menino, da Fundação Telefônica|Vivo (www.promenino.org.br).

Fonte: Fundação Telefônica|Vivo